Jovem é agredido e estuprado em ataque homofóbico em Petrolina
O estudante de psicologia Anderson Veloso, 21 anos, denunciou em sua página no Facebook ter sofrido um ataque homofóbico na noite do último sábado (30) em Petrolina (PE). De acordo com o relato do jovem, ele foi sequestrado por volta das 18h30 por três pessoas e levado em um veículo sedan preto para uma área desconhecida na cidade. No local, ele foi espancado com socos e enforcado com o cordão do short que vestia. Na sequência, ele foi violentado sexualmente com um pedaço de madeira. “Os gritos de ‘vou te matar viado’, ‘vai embora de Petrolina, viadinho’ e tantos outros ainda ecoam dentro de mim e eu sei que eles permanecerão por muito tempo. Todavia, mesmo diante disso tudo, eu não me silenciarei”, disse, no Facebook.
Segundo informações do jornal Extra, ele registrou a ocorrência na 214ª Circunscrição da Delegacia de Polícia de Petrolina. O delegado responsável pelo caso, Daniel Moreira, acredita que a agressão e estupro podem estar relacionados a um outro caso registrado, em que um grupo agrediu outro homossexual em um bairro vizinho. “Acreditamos na possibilidade de o grupo conhecer a orientação sexual da vítima, até porque foram dois casos parecidos e na mesma região. Já estamos fazendo diligências para identificar suspeitos”, afirmou o delegado, em entrevista ao Extra.
do: bahianoticias
Reações:

Postar um comentário

 
Top