BANDIDO USA NOME DE 'FELIPÃO' E APLICA GOLPES EM EMPRESÁRIOS BONFINENSES

 

Números e imagens usadas pelo bandido nas investidas contra empresários bonfinenses 


Nessa segunda-feira, 03 de maio de 2021, a reportagem do Blog do Netto Maravilha tomou conhecimento de que no último sábado (1º de maio), bandidos se passaram por coordenador da 19ª Coorpin e aplicaram golpes via telefone em alguns empresários em Bonfim.


Nós conversamos com algumas vítimas que passaram a relatar histórias diferentes, porém com o mesmo objetivo, o meliante tentando tirar vantagens financeiras sobre as vítimas.


Uma das vítimas fez uma transferência de R$ 1,00, para ver número de conta e nome da pessoa que supostamente o bandido disse ser a amante do delegado.



No primeiro caso que narraremos a seguir, o suposto ‘Felipão’, ligou para uma lanchonete e pediu 06 X-tudo e uma transferência via pix, “nesse contato que tá a foto do ‘Felipão’, ele ligou pá pai pedindo 6 X-tudo, que era pá pai entregar no Complexo, e poderia fazer um pix de uma recarga para ele, que quando chegasse lá pagava o motoqueiro, ai pai passou pra mim fazer a recarga, ai tava denigrindo a imagem de delegados, falando que era tudo sigilo, que não poderia falar pá ninguém, porque era homem, que isso, aquilo, mas tinha uma amante por fora do casamento, e se a gente poderia depositar R$ 500,00 na conta dessa mulher que é amante dele, e fazer os lanches que dava R$ 77,00, ai ficava R$ 577, ai quando chegasse lá na delegacia ele mandava os R$ 600, 00 pelo motoqueiro, ai eu comecei a achar estranho pela voz, que eu vi que não era o ‘Felipão’, ai comecei a enrolar enrolar e disse a ele que iria fazer, ai ele falou, então pegue o celular ai e faça o pix ai ligeirinho, eu peguei pedi o número da conta ele me deu a chave do pix no número dessa mulher, ai eu peguei fiz só pra ver o número da conta, ai quando ele mandou o número da conta, ai eu peguei e falei, ó tô sem o valor, ele ficou enrolando, perguntou quanto é que eu tinha, ai eu peguei desliguei o celular, ai eles ficaram só ligando ligando, ai ligou por outro número, depois mandou outro zap com uma foto de outro delegado que eu não conheço, e ficaram tentando”, a vítima ainda tentou manter contato com o delegado pelo facebook, porém não obteve resposta.


No segundo caso, o bandido consegui enganar a vítima que chegou a realizar uma recarda de celular no valor de R$ 100,00, mas não consegui convencer quando pediu uma transferência via pix.


Acreditando que estava conversando com o delegado oficial, a vítima chegou a fazer uma recarga telefônica de R$ 100,00


Em conversa com a segunda vítima fomos informados da seguinte armação do infrator, “Netto, no sábado um número ligou pá pizzaria pedindo pizza, se identificou por ‘Felipão’, ai fez o pedido da pizza, tal e mais, disse que tava na delegacia, que tava precisando de um crédito, a gente tem um aplicativo que coloca crédito, mas não pra todo mundo, ai começou a dialogar, a conversar, dizendo que já tinha comido muita pizza na minha mão, no tempo do Papa Pizza, olha Radmak, estou falando com (cita nome da vítima), agora montou a pizzaria dele, tal e tal, fez o pedido da pizza e pediu para a vítima fazer a recarga, e incluísse na nota que quando chegasse no complexo ele quitaria toda dívida, a gente caiu no golpe porque se identificou como ‘Felipão’, falando no Radmak, assim e tudo mais, aquela coisa, aquela intimidade toda, de início a gente não desconfiou que era um golpe, só veio ver que era golpe depois que eles pediram um pix”, disse a vítima, o estelionatário ainda jogou uma história envolvendo a esposa de um policial civil, e disse, “tu tá sabendo que a mulher do ‘Radmak’, quer prender ele por pensão alimentícia?, tu não poderia fazer um pix não? Pra esposa dele pra que isso não aconteça, não que eu tô sem dinheiro na conta, o único dinheiro que tenho era esse da recarga”, finalizou a vítima.


Nossa reportagem ficou sabendo de outras vítimas desses estelionatários que atuaram em muitos casos com êxitos em algumas cidades como Bonfim e Antônio Gonçalves.


Mantivemos contato com o Coordenador da polícia civil da região de Bonfim, que disse em mensagem que já foi instaurado inquérito para apurar o caso.


Até o momento ainda não se sabe qual o prejuízo deixado por esses meliantes.


Antes de efetuar qualquer transação bancária, seja depósito, transferência via pix, ou outra forma de beneficiar esse tipo de bandido, é importante que as pessoas mantenham a calma e procurem entrar em contato com a pessoa a qual o infrator tenta se passar por ela.


Blog do Netto Maravilha 

Postar um comentário

0 Comentários