[Guerra de tráfico: Sem envolvimento com crime, amigos são mortos em três meses de diferença na Boca do Rio ]

 13 de Abril de 2021 às 10:56  Por: Reprodução/Correio  Por: Redação BNews


Três meses e 100 metros de diferença separaram os homicídios dos amigos Wagner Santana Bispo da Silva, de 19 anos, morto em janeiro e Vivaldo José dos Santos Neto, 23 anos, assassinado a tiros neste domingo (11). Os crimes aconteceram na localidade da Estrada do Curralinha, no bairro da Boca do Rio, em Salvador. 

O que chama atenção é que o local dos ataques fica a 200 metros da 9ª Delegacia Territorial da Boca do Rio. Conforme apurado pelo jornal Correio*, Vivaldo e Wagner eram amigos de longa data e vizinhos. 

De acordo com uma fonte ouvida pelo BNews, que preferiu não ser identificada, em janeiro Wagner Santana Bispo da Silva, de 19 anos, foi morto por integrantes de uma facção, quando estava reunido com colegas, e não tinha nenhum envolvimento com a criminalidade. Eles teriam corrido ao ver homens armados subindo a rua.

Os suspeitos atiraram contra o grupo e um dos disparos atingiu Wagner, que não resistiu e morreu.

Já neste domingo (11), o caso se tratou de um roubo em que sete aparelhos celulares foram subtraídos. As vítimas estavam em frente a uma casa quando foram surpreendidas pelo ataque a tiros por parte de suspeitos em um veículo e motocicleta, entre as vítimas fatais estão Vivaldo e o tio dele Marcelo, baleado e não resistiu aos ferimentos morrendo no hospital.

A Polícia Civil investiga a autoria dos casos.  

Do: BNews

Postar um comentário

 
Top