Assalto ocorreu na noite de segunda-feira (6), no oeste do estado.
Segundo dono da propriedade, ação durou cerca de 10 horas.

Imagem Ilustrativa
Uma fazenda na cidade de Formosa do Rio Preto, na região oeste do estado, foi alvo de assalto que durou cerca de 10 horas, da noite de segunda-feira (6) até a madrugada desta terça (7). De acordo com o proprietário da fazenda, que preferiu não se identificar, foram levados três caminhões carregados de sacas de grãos de soja e feijão, defensivos agrícolas e aparelhos eletrônicos da fazenda “Capanema”.
A Companhia Independente Especializada (Cipe/ Cerrado) informou que a 86ª Companhia Independente de Polícia Militar foi ao local após o crime. A CIPE realiza buscas para localizar os suspeitos, mas até a manhã desta terça, ninguém foi preso. O proprietário foi até a delegacia da cidade prestar queixa do roubo.
Segundo o dono da fazenda, a ação começou por volta das 19h e os bandidos só saíram da fazenda por volta das 4h do dia seguinte. “Minha esposa, meu cunhado e meu filho, de um ano e três meses, estavam lá. Eles foram feito reféns a noite toda. Foram amarrados dentro de um quarto e ameaçados”, conta.
O proprietário diz ainda que os criminosos estavam armados com pistolas, se dividiram em grupos para executar o assalto e conseguiram fugir com o material roubado. Ele estima que em torno de 10 homens tenham participado da ação. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.
“O prejuízo material é grande. Acabou de acontecer e não estimamos o prejuízo, mas deve ser em torno de meio milhão de reais. É um ano difícil que a gente nem paga as contas e ainda acontece um negócio desses”, afirma o dono da fazenda, que é paranaense e mora na cidade há mais de 10 anos.
Reações:

Postar um comentário

 
Top