"O Ministério Público do Estado da Bahia pediu à Justiça a suspensão do show do artista “Cissinho de Assis”, programado para o próximo dia 23 de junho de 2016, durante a celebração dos festejos juninos do Município de Senhor do Bonfim. Segundo o Promotor de Justiça responsável pela medida, a apresentação foi orçada em valor quase seis vezes superior a uma performance do mesmo artista realizada, há menos de um mês, no parque da cidade de Senhor do Bonfim, sem que a administração pública tivesse externado qualquer razão idônea para justificar a diferença, considerada desproporcional e ofensiva ao princípio da economicidade. Apontando também inconformidades na condução do respectivo procedimento de inexigibilidade de licitação, o MP requer ainda, em caso de execução do evento, a condenação do Prefeito e da empresa contratada a ressarcirem os cofres públicos. A iniciativa é resultado de fiscalização do Ministério Público no tocante aos gastos com festividades e, seguindo recomendação da Procuradoria-Geral de Justiça, os contratos firmados para apresentação dos demais artistas e montagem da estrutura da festa também são alvo de análise específica por parte da instituição que adotará, se constatadas irregularidades, as medidas judiciais cabíveis"

Missão do MPBA: Defender a sociedade e o regime democrático para garantia da cidadania plena.

ASCOM MP- SR. BONFIM
Reações:

Postar um comentário

 
Top