Imagens mostram busca desesperada por Beatriz, de sete anos, durante festa. Setenta dias depois do assassinato, caso continua sem solução e sem pistas.




Um caso brutal e misterioso intriga o Vale do São Francisco, entre os estados da Bahia e de Pernambuco. Beatriz, uma menina de apenas sete anos, foi encontrada morta com 42 perfurações no corpo durante a festa de formatura da irmã mais velha.
O crime aconteceu há mais de dois meses, no dia 10 de dezembro de 2015 e permanece sem solução e sem pistas de quem poderia ter assassinado Beatriz. O Fantástico foi até a cidade de Petrolina conversar com os pais da menina, o delegado responsável pelas investigações e a administração da escola.
http://g1.globo.com/fantastico
Confira a reportagem, clique aqui
Reações:

Postar um comentário

 
Top