Informação foi divulgada nesta quarta (6) pela prefeita da cidade baiana.
Executivo diz que vai decretar situação de emergência nos próximos dias.

Do G1 BA
Rio transbordou e deixou 60 famílias desabrigadas em Riachão do Jacuípe (Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)Rio transbordou em Riachão do Jacuípe (Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)
Sessenta famílias tiveram que deixar as casas onde moram no município de Riachão do Jacuípe, a cerca de 200 quilômetros de Salvador, após o rio que corta a cidade transbordar depois de forte chuva.
Rio transbordou e deixou 60 famílias desabrigadas em Riachão do Jacuípe (Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)Rio transbordou em Riachão do Jacuípe
(Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)
De acordo com informações da prefeitura, a água começou a invadir as casas na manhã desta quarta-feira (6), e moradores de cinco bairros tiveram de saír às pressas. Algumas pontes que ligam comunidades rurais à zona urbana foram danificadas. Não houve registro de feridos.
"Choveu na segunda-feira à tarde e durante toda a madrugada desta quarta. E quando chove na cabeceira do Rio Jacuípe ele fica muito cheio e transborda, afetando comunidades ribeirinhas. Vários bairros por onde o rio passa foram afetados", disse ao G1 a prefeita da cidade, Tânia Alves.

Os bairros mais afetados foram Alto do Cruzeiro, Alto do Cemitério, Bela Vista, Ranchinho e parte da Barra. Na zona rural, a comunidade mais afetada foi o distrito de Barreiros, onde residem cerca de 3.500 pessoas. Desabrigados foram levados para o ginásio de esportes e para escolas da cidade. Outros desalojados foram para casa de parentes.
A prefeita afirmou que vai decretar situação de emergência nos próximos dias."Já passamos essa demanda para o setor jurídico. E a situação de emergência deve ser decretada ainda nesta quinta. Depois, o documento será encaminhado ao governo do estado para homologação. Engraçado é que estávamos quase decretando situação de emergência por causa da seca, devido ao longo período de estiagem, mas agora a chuva veio forte e mudou a situação".
"Os desabrigados estão sendo acompanhadas por uma assistente social e serão cadastrados para recebimento de cestas básicas. As cestas devem começar a ser distribuídas amanhã pela manhã. A nossa preocupação, agora, é com doenças como dengue e chikungunya, por causa da chuva", destacou a prefeita.
Rio transbordou e deixou 60 famílias desabrigadas em Riachão do Jacuípe (Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)Rio transbordou e deixou 60 famílias desabrigadas em Riachão (Foto: Luiz Valdoberto de Oliveira Carneiro)
Reações:

Postar um comentário

 
Top