A comerciante Julita de Jesus Silva, 69 anos, que foi vítima de atropelamento no final da tarde desta quinta-feira (18) na Avenida Centenário, no bairro Nazaré, em Jacobina (veja aqui), não resistiu aos ferimentos e faleceu na tarde de hoje no Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS).

Muito conhecida na comunidade, Julita era proprietária de um bar no bairro Nazaré, onde tinha muitos amigos. Conforme relatos de moradores ao Jacobina Notícias, ela foi atropelada por uma picape Strada, na cor branca, ao tentar atravessar a avenida, que é um trecho urbano da rodovia BR-324. O motorista fugiu do local sem prestar socorro à vítima.

Julita foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o HMATS, mas não resistiu. Sua morte causa comoção e muitos amigos usam as redes sociais para lamentar o seu falecimento.

Trecho perigoso

Depois de muitas reivindicações dos moradores, a região onde aconteceu o acidente foi totalmente revitalizada, com um novo asfalto, implantação de faixas de pedestres, redutores de velocidade - o popular quebra-molas, e iluminação em led. A polícia vai investigar o caso para identificar e ouvir o motorista envolvido no acidente.

Fonte: Jacobina Notícias

Postar um comentário

 
Top