Três homens suspeitos de integrar uma quadrilha envolvida em assaltos a bancos foram mortos em troca de tiros com a polícia na noite de quarta-feira (21). Os confrontos aconteceram nas cidades de Simões Filho, Ibirapitanga e Capim Grosso. 
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), as ações fazem parte de uma operação das Polícias Civil, Militar e Federal, deflagrada na quarta, com o objetivo de desarticular a quadrilha envolvida em assaltos a banco, roubo de cargas, extorsão mediante sequestro e homicídios. Ainda segundo a SSP,  grupo agia principalmente na região do sul e baixo sul de estado, em cidades como Camamú, Igrapiúna, Ibirapitanga, Ilhéus e Valença.
Confrontos
Em Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador, a polícia localizou um dos principais integrantes da quadrilha, conhecido como “Bruno de Igrapiúna” no momento em que se reunia com outros suspeitos para organizar um assalto a banco, no bairro Ponto Parada.
Conforme a SSP, houve troca de tiros e Bruno foi atingindo. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Com o suspeito, os policiais encontraram uma pistola calibre 938.
Já em Ibirapitanga, a cerca de 350 km de Salvador, equipes da operação localizaram outro integrante da organização criminosa, conhecido como “Júnior Pedreiro”, na localidade de Itamarati. Segundo a polícia, o suspeito resistiu a abordagem policial, disparando contra as guarnições. Na troca de tiros ele foi atingindo e não resistiu aos ferimentos.
No município de Capim Grosso, a cerca de 260 quilômetros da capital baiana, policiais fizeram um bloqueio rodoviário e abordaram um veículo Fiat Pálio, com outro integrante da quadrilha, conhecido como “Del de Igrapiúna”. De acordo com a SSP, o suspeito tentou fugir e colidiu o carro contra um muro, e ao descer do carro atirou contra os policiais. No confronto, Del foi baleado e não resistiu aos ferimentos. Com ele, os policiais encontraram um revólver calibre 38.
Fonte: Bocão News
Reações:

Postar um comentário

 
Top