Uma travesti que morava em Santaluz foi encontrada morta às margens da BA-120, em Valente, na manhã desta terça-feira (26). De acordo com informações de testemunhas, o corpo de Gleison Santos da Silva, de 18 anos, que usava o nome ‘Lorrany Oliveira’, estava em um matagal próximo a entrada da estrada que dá acesso à comunidade rural de Tanque dos Anjos. A suspeita inicial é de que a vítima havia sido atropelada.
Porém, após serem informados de que a travesti teria saído de Santaluz no último sábado (23) em companhia de Gemisson de Jesus Santos Silva, conhecido como ‘Tiririca’, de 21 anos, que reside no bairro Morro dos Lopes, em Santaluz, e também é homossexual, policiais militares da 5ª Companhia do Décimo Sexto Batalhão, com sede em Santaluz, localizaram o suspeito, que confessou ter brigado com a vítima e a agredido com socos e garrafadas.
Foto reprodução/Notícias de Santaluz
Conforme a polícia, Gemisson disse que, após a briga, deixou Lorrany no local onde ela foi encontrada morta nesta terça-feira. O crime teria ocorrido na madrugada de domingo (24). Gemisson foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Valente, onde o caso está sendo investigado. O corpo de Lorrany foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Serrinha, para ser periciado.

Fonte: Notícias de Santaluz
Reações:

Postar um comentário

 
Top