Entre os suspeitos, um adolescente de 16 anos.
PM apreende armas e dinheiro com suspeitos de matar duas pessoas em Feira
Foto: Divulgação/67ª CIPM
Andrea Trindade
Policiais militares da 67ª Companhia Independente (CIPM), com o apoio da Rondesp Leste, prenderam por volta das 23h de terça-feira (8), três suspeitos de tráfico de drogas e de praticar homicídios em Feira de Santana.
Gilberto da Silva Costa, o "Kinho", 18 anos; Douglas de Jesus Souza, o "Doguinha", 20; e um adolescente de 16 anos foram presos no bairro Sítio Mathias durante uma operação de combate aos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs), tentados ou consumados, tráfico de entorpecentes e crimes contra o patrimônio.
Durante a operação, os suspeitos tentaram fugir dos policiais e um deles foi localizado em uma residência na 1ª Travessa da Rua do Telégrafo. No local os policiais prenderam Gilberto e apreenderam um revólver calibre 38, uma quantidade de substância aparentando ser cocaína, crack, alguns celulares e cerca de 800 reais.
O suspeito informou que outros materiais estariam em outra residência, na 2°Travessa da Rua do Telégrafo, onde foram encontrados uma garruncha e aproximadamente 500 reais. Em seguida, segundo a polícia, ao ser questionado sobre os dois homicídios ocorridos nos últimos dias no bairro Sítio Matias, Gilberto confessou ter participado dos crimes e informou que estava com Douglas, que também confessou os homicídios. Uma das vítimas foi assassinada no início da tarde de ontem (8), o  Matheus da Silva Macedo Borges, 19 anos.
Com Douglas, foi encontrado um tablete de maconha e aproximadamente três mil reais. Ele foi preso em outra residência na Rua Pirangi. Aos policiais, o suspeito informou que usou outro revólver calibre 38, que foi encontrado com um adolescente em uma casa na mesma rua.
Todo o dinheiro apreendido, segundo os acusados, são oriundos do tráfico de drogas, e os homicídios foram motivados pela disputa pelo controle do tráfico no bairro Sítio Matias. Douglas, Gilberto e o adolescente foram apresentados no Complexo de Delegacias e autuados em flagrante.
Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade
Reações:

Postar um comentário

 
Top