Os estudante foram convidados pelo DETRAN-BA, já que o órgão está mobilizado na Semana Nacional do Trânsito.

marcelo e poliana 3
Estudantes coiteenses desenvolvedores do projeto Capacete Salva Vidas Marcelo Oliveira e Poliana Mascarenhas
A Semana Nacional de Trânsito começou na sexta-feira (18) na Bahia e segue até sexta-feira (25). A comemoração é realizada pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O público está tendo acesso a iniciativas sobre segurança de motoristas, motociclistas e pedestres com o tema “Década Mundial de Ações para Segurança no Trânsito – 2011/2020: Seja você a mudança”.
Um espaço foi criado no Shopping Salvador, na capital do estado onde os visitantes têm recebido orientação sobre segurança no trânsito. E, para mostrar o projeto inovador para a segurança, de modo especial os motociclistas, o DETRAN convidou os estudantes do Colégio Polivalente de Conceição do Coité Marcelo Oliveira e Poliana Mascarenhas, ambos com idade de 16 anos,  que desenvolveram um sistema no capacete que só permite dar partida na moto se equipamento estiver na cabeça do condutor, este projeto ganhou grande repercussão a partir da publicação de uma reportagem aqui no Calila Noticias (VEJA)
Projeto ganhou grande repercussão na mídia.
Projeto ganhou grande repercussão na mídia.
O diretor geral do DETRAN Maurício Bacelar disse que tanto ele quanto o governador Rui Costa ficou bastante impressionado quando o governador visitou a escola no inicio deste mês, “e prontamente naquele mesmo dia o governador disse: Maurício leve esses meninos de Coité para a semana nacional do trânsito, para que eles possam mostrar pra toda Bahia que dois jovens de escola pública conseguiram fazer para proteger e vida e melhorar o trânsito”, afirmou o diretor.
Bacelar em entrevista ao Calila Noticias disse que a Secretaria de Ciência e Tecnologia – SECTI ainda esta semana vai conversar com os alunos e com a professora que coordena o projeto, “e essa ideia vai ser registrada e o DETRAN vai encaminhar para o Departamento Nacional de Trânsito – DENATRAN, pois “tem sido uma atração muito grande aqui no Shopping e precisa ser aproveitado”, concluiu o diretor
Da esquerda para a direita: Mauricio Bacelar, Marcelo Oliveira, Alex da Piatã, Poliana Mascarenhas e Teresa Cristina.
Da esquerda para a direita: Mauricio Bacelar, Marcelo Oliveira, Alex da Piatã, Poliana Mascarenhas e Teresa Cristina.
A professora citada pelo diretor é Teresa Cristina Mascarenhas de Abreu, ela que é mãe de Poliana e tem acompanhado os jovens nas feiras de ciências. Poliana Mascarenhas disse que a ideia de criar um capacete com dispositivo surgiu após um colega sofrer grave acidente e ter ficado com sequelas. Ela chegou para o amigo Marcelo e perguntou se não era possível criar um mecanismo para a moto funcionar apenas se o capacete estiver na cabeça do condutor, a ideia foi levada a sério e conseguiram.
Marcelo disse que não esperava ganhar tanta repercussão, mas trabalhou com o objetivo de fazer acontecer e está satisfeito com os resultados, e seu desejo agora é que os órgãos competentes tirem bastante proveito para que possam ajudar a evitar mais acidentes graves pelo não uso do capacete.
O deputado Alex da Piatã esteve visitando o stand onde estão os dois jovens conterrâneos, e disse ter ficado orgulhoso da capacidade de Marcelo e Poliana, e acima de tudo a preocupação deles com o grande número de acidentes, principalmente do motociclista que não usa o capacete.” O trânsito em si tem impacto em vários outros seguimentos da nossa sociedade, impacta na saúde pública, os hospitais acabam ocupando mais, lesões serias e muitas acabam levado as vítimas a óbito. Essa semana foi divulgado dados que o maior índice de acidentes são provocados por motocicletas, e quando vejo esses jovens e a professora Cristina aqui tentando incrementar um projeto que visa diminuir essas estatísticas é motivo de muito orgulho pra todos nós coiteenses”, afirmou o parlamentar.
Redação CN * Fotos: Teones Araújo
Reações:

Postar um comentário

 
Top